Dentes brancos indicam status e melhores cargos, diz estudo

Home / Notícias / Dentes brancos indicam status e melhores cargos, diz estudo

Estar bem posicionado perante à sociedade não tem mais tanto a ver com cultura ou grau de escolaridade e sim com a qualidade dos dentes. A afirmação é do cientista social Malcolm Gladwell, autor da obra “Davi e Golias, ter dentes bons é sinal de status social e profissional. Segundo ele se o sorriso não estiver em perfeitas condições, pode ser motivo de discriminação.

Para Gladwell, pessoas com dentes ruins estão cada vez menos recebendo a chance de ingressar em empregos mais disputados. E compara essa “imperfeição” na boca com problemas de obesidade. “Creio que esses tipos de características físicas são sem dúvida a próxima onda de discriminação”, diz o cientista.

<p>Pessoas com dentes ruins estão cada vez menos recebendo a chance de ingressar em empregos mais disputados</p>

E apesar dessa constatação ser um pouco polêmica, aqui no Brasil não parece ser muito diferente. O dentista especializado em estética, Joel dos Santos, acredita que ter um sorriso bonito pode sim interferir na vida social de uma pessoa. “Um sorriso bonito pode fazer com que uma pessoa conquiste coisas melhores, inclusive empregos, afinal, o sorriso é a maior expressão do rosto. E sendo assim, quando se pensa em apresentação, o sorriso é a vitrine do nosso rosto”.

Sorrisos hollywoodianos
As declaraçõesde Gladwell surgem no mesmo momento em que o número de celebridades que está gastando grandes quantidades de dinheiro para arrumar os dentes cresce. Esses famosos, como Victoria Beckham e a princesa Kate Middleton, chegam a pagar valores altíssimos para clarear os dentes, colocar capa de porcelana e até fazer implantes de titânio para conseguir o tão desejado sorriso “hollywoodiano”.

Segundo o Centro de Informação de Saúde e Assistência Social do Governo da Inglaterra, em 2011, um quinto das internações em hospitais foi para tratamentos dentários. E a faixa etária dos pacientes que procuraram esse tipo de serviço foi três vezes maior entre quem tinha de 0 a 29 anos do que os que tinham mais de 60.

Também comparando dados de uma pesquisa feita no país, pela Vision Critical, descobriu-se que as pessoas acreditam que quem tem dentes brancos tem mais poder aquisitivo. E, realmente, quem tinha dentes mais brancos estava ganhando 10 mil libras a mais do que costumava ganhar no passado e pareciam cerca de cinco anos mais novos do que realmente eram.

 Fonte: Colgate

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *